21 de dez de 2013

Mulheres participantes do Toplessaço são assédiadas pela midia e dexistem de participar

Fotógrafos cercam mulheres em "Toplessaço" | Foto: Júlia Carneiro / BBC Brasil

Era para ser o primeiro dia do Toplessaço na praia de Ipanema mais o evento atraiu mais jornalistas e homens oportunista do que as próprias mulheres,comentário do tipo machista , e cantadas foram o que mais aconteceu .

Organizado neste sábado para marcar o primeiro dia do verão ,a campanha  visava para que a pratica deixa de ser crime e seja algo natural, mas o que aconteceu nas areias de Ipanema mostrarão que a realidade ainda esta longe do que se esperava do evento e das pessoas  ,que ainda vê a mulher como produto de sexo.
As primeiras mulheres que tentaram tirar parte de seus  biquines imediatamente eram cercadas por fotógrafos e cinegrafistas.

8 mil mulheres havia confirmado presença pelo Facebook para o primeiro dia de movimento , mais não apareceram todo este número, homens fazia alusão as mulheres que prometeram estar e não estiveram , em bares da praia.Outros homens se dirigirão as mulheres e gritava tira ai !! É para tirar eu  quero ver  ! Um vendedor de chá Mate  local também gritou este é o Mate dos peitinhos gelados

Tamanho assédio fez com que muitas mulheres parasse  de fazer o Toplessaço .A estudante Júlia 20 anos disse que não se sentiu confortável para fazer Toplessaço, é um estupro da mídia ,e por homens que estão aqui ,muito baixo nivél, completa a estudante inconformada.

O evento foi previsto para começar as 10 hs na rua Joana Angelica em Ipanema , mas quando as mulheres viram a tamanha aglomeração de jornalistas no calçadão muitas foram embora sem se quer por os pés na rua .

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Curtiu o post comente logo abaixo ficamos felizes em receber sua opinião.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...